top of page
  • Foto do escritorAstronomia e Astronáutica

A sonda Huygens pousa em Titã

No dia 14 e janeiro de 2005, após desacoplar da sonda Cassini e viajar 22 dias no espaço, a sonda Hyugens, criada e desenvolvida pela Agência Espacial Europeia (ESA), pousou em Titã, satélite de Saturno. O pouso aconteceu no oeste da região escura conhecida como Shangri-La e próximo à área brilhante conhecida como Xanadu. Após descer de pára-quedas, a sonda abriu seu laboratório robótico completo. A sonda tinha 318 kg de peso, 1,3 metros de diâmetro e bateria com carga suficiente para 153 minutos de transmissão. Foi o suficiente para enviar dados atmosféricos e a primeira imagem de um satélite de um planeta do Sistema Solar exterior. É até hoje o pouso mais distante já efetuado por um objeto construído pelo homem. O nome da sonda foi uma homenagem ao astrônomo Cristiaan Huygens que descobriu o satélite em 1655.


Concepção artística da sonda Huygens pousando em Titã.
Concepção artística da sonda Huygens pousando em Titã.

Imagem da superfície de Titã feita pela sonda Huygens.
Imagem da superfície de Titã feita pela sonda Huygens.

0 visualização0 comentário
bottom of page