top of page
  • Foto do escritorAstronomia e Astronáutica

Vapor d'água em um exoplaneta?

As estrelas mais comuns no universo são estrelas anãs vermelhas, o que significa que exoplanetas rochosos são mais prováveis de serem encontrados orbitando tais estrelas. Os astrônomos estão usando o Telescópio Espacial James Webb, da Nasa, para estudar um exoplaneta rochoso conhecido como GJ 486 b, que orbita uma estrela anã vermelha a 26 anos-luz da Terra. O planeta está muito perto de sua estrela para estar dentro da zona habitável, com uma temperatura de superfície de cerca de 430 graus Celsius. Mas, apesar disso, suas observações usando o Espectrógrafo de Infravermelho Próximo (NIRSpec) do Webb mostram indícios de vapor de água, o que não é esperado devido às altas temperaturas. Se o vapor de água estiver associado ao planeta, isso indicaria que ele tem uma atmosfera, apesar de sua temperatura escaldante e proximidade com sua estrela. No entanto, a equipe alerta que o vapor d'água pode estar na própria estrela – especificamente, em manchas estelares frias – e não do planeta. "O vapor de água em uma atmosfera em um planeta rochoso quente representaria um grande avanço para a ciência de exoplanetas. Mas devemos ter cuidado e garantir que a estrela não seja a culpada", acrescentou Kevin Stevenson, do Laboratório de Física Aplicada da Universidade Johns Hopkins, em Laurel, Maryland, principal investigador do programa.

Fonte: NASA.


Ilustração mostrando um planeta orbitando uma estrela anã vermelha.
Ilustração mostrando um planeta orbitando uma estrela anã vermelha.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page